sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

460 - UFC: A VIOLÊNCIA QUE SE INSTALA NO BRASIL E EM MARABÁ

Um novo fenômeno, também chamado de esporte, vem conquistando grande público. Basta lembrar que a TV Globo comprou os direitos de transmissão das lutas do UFC - Ultimate Fight Combat. O canal de tv Multishow também transmite e já comercializa este produto entre os seus assinantes. Temos visto, também, o forte apoio dos provedores de Internet, dentre eles: UOL, YAHOO, BOL, TERRA, vejam alguns links:

http://br.esportes.yahoo.com/blogs/casca-grossa/ufc-140-jones-apaga-machida-minotauro-%C3%A9-finalizado-052859825.html

http://esporte.uol.com.br/lutas/vale-tudo/ultimas-noticias/2011/12/11/minotauro-sofre-fratura-no-umero-e-sera-operado-nos-eua-rival-diz-ele-nao-ia-bater.htm

http://noticias.bol.uol.com.br/esporte/2011/12/11/lyoto-diz-que-corte-na-testa-o-prejudicou-e-mira-revanche-caminhada-continua.jhtm

http://esportes.terra.com.br/lutas/noticias/0,,OI5513580-EI15532,00-Apos+fratura+no+braco+Minotauro+viaja+para+LA+com+Dana+White.html

Não bastasse tudo isto, até uma novela "FINA ESTAMPA" relata a vida de um lutador de UFC, e os problemas com um casamento frio com uma mulher altamente gananciosa.

Vamos assimilando, aceitando uma nova cultura esportiva no Brasil. Tivemos uma luta com narração de Galvão Bueno que procurou dar a sua contribuição para o espetáculo.

Muita gente gosta deste esporte. Eu o considero violento e procuro fugir de fatos e eventos que glorifiquem esportes violentos. Em nosso país, quando ocorrem tragédias como na Escola em Realengo, as pessoas ficam chocadas, ficam em desespero procurando alguma justificativa. Não estou dizendo que o UFC tenha alguma relação com o episódio da escola, não é isso. Mas, tudo leva para uma situação de violência, algo desnecessário para todos.

Vai chegar um dia em que veremos ao vivo e à cores um lutador no octogono, ao receber muitos socos e cotoveladas não resistir e morrer. O espetáculo envolve atos de selvageria e sangue.

Do jeito que as coisas vão se propagando, considero um retrocesso para a pacificação de nosso país, de nossos jovens. Logo eles vão achar tudo isto muito normal e, se é Esporte, considerarão normal praticá-lo nas ruas e nas escolas. Pela violência que vêmos, é bem possível que tenhamos muita gente machucada. É preciso ter cuidado com esta massificação desenfreada.

DEMOLIDOR EXTREME COMBAT EM MARABÁ
Apoio tão significativo da grande mídia ao UFC, MMA e etc., promovendo os nossos lutadores como verdadeiros heróis, representantes do Brasil e coisas mais, faz falta em outros esportes. O futebol feminino está acontecendo em Santos - SP e não está recebendo o mesmo apoio. Podem verificar. Excessão da TV Bandeirantes, graças ao Luciano do Vale consegue ver o talento das nossas meninas do Futebol.

Parece que o esporte violento apenas acontece longe de Marabá, que a moda vai demorar prá chegar por aqui. Já chegou, tivemos um evento patrocinado pela prefeitura municipal e aconteceu no Ginásio da Folha 16. O Demolidor Extreme Combat realizado em Marabá no dia 29 de outubro com apoio da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (SEMEL) foi orçado em R$ 80.000,00 (oitenta mil reais). Então, foi um espetáculo de violência muito caro.

Apesar de não parecer, há mais pessoas que desaprovam o UFC, vejam:


Esse UFC eh uma palhaçada! Os caras proibem um pisão, aquele típico que o shogun fazia no pride quando o oponente estava em posicao de defesa no chao, mas permitem essa cotovelada do jones. Essa cotovelada é o tipo de golpe que acaba totalmente com a integridade fisica do oponente quando este nao tem boas condicoes de defender, haja vista os estragos em todos os adversarios do jones que tomou esse golpe. Se o golpe de ontem tivesse pegado no olho, o machida ficaria cego. O Shogun, por exemplo, eh o maior prejudicado por essas regras do UFC. Se fosse pelas regras do PRIDE, o shogun teria acabado com o Henderson. Teve varias oportunidades de dar aqueles ``tiros de meta`` que dava no PRIDE e que o fez vencer a maioria de suas lutas la. A questão eh que a regra do UFC eh muita injusta para muitos lutadores. O Henderson, por exemplo, adora sufocar seus adversarios colocando uma de suas maos na boca e narinas dos adversarios impedindo-os de respirar.

Briga de galo é proibida, e briga de gente (sic) pode??? Absurdo!!! Puro incentivo à violência, vence quem agride mais o adversário, que qui é isso gente????


Prova de tudo que publiquei pode ser visto, e eu não recomendo que façam, no link abaixo, sobre as 10 lutas mais sangrentas da história do UFC:

http://diazepao.blogspot.com/2010/05/as-10-lutas-mais-sangrentas-da-historia.html

Pense, reflita e tome uma atitude.
Cada dia fico mais indignado com este "esporte" q nada mais é do que briga. Querem proibir palmadinha em criança alegando incentivo à violência, e assistir uma luta UFC, sangrenta e pura agressão física é o que????

quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

459 - UFC - MMA: VIOLÊNCIA COMO NOS TEMPOS MEDIEVAIS

UFC: Exploração exacerbada da violência como nos tempos medievais

Como nos tempos da idade média mais precisamente em Roma Antiga, se aproximando mais para a decadência do Império, uma tática muito usada para desviar a atenção do povo e dos fatos que realmente acontecia sobre o governo Imperial era usada como nos dias de hoje. O Imperador de Roma para desviar a atenção das pessoas, e dos problemas e dificuldades do Imperio, intitulava a ''política do Pão e Circo'' onde as massa se agraciavam com o entreterimento mórbido, assistindo a luta até a morte de lutadores no Coliseu Romano. Dando um pulo na história, mais precisamente no presente século, nada mudou, e os governos copiosamente de Roma, transferiram esta tática de manipulação para o povo, escravizado pelos seus governos. A política do ''Pão e Circo'' hoje em dia, somente se atualizou com sua versão mais sofisticada nos tempos atuais. O Coliseu invadiu a televisão e transformou cada telexpectador em mais um torcedor dos entreterimentos atuais, onde a Mídia explora o lado mais violento do ser humano e transforma- o em esporte. O UFC (Ultimate Fight Championship) é mais especificamente um evento de luta, que nada mais é do que uma pancadaria sanguinária, cada vez mais adiquire adptos deste lado do mundo, e destrói a mente, preparando cada vez mais o ser humano em acentuar seus estímulos de violência interior, como nos tempos medievais. Reclamam de violência, mas esgotam as imagens e assuntos relacionados com ela, assim como condenam a violência sexual, mas exploram o sexo até o esgotamento da sensualidade e sexualidade precoce em jovens e crianças, em imagens,tópicos, programas, novelas e tudo o quanto mais se chama ''em nome da arte'' neste dias em que vivemos. Parece uma utopia não acha? O melhor hipocrisia, pois cooperam com os comportamentos mais sórdidos do ser humano, deteriorando uma sociedade cada vez mais afastada de Deus e os valores morais. Como nos tempos de Roma é mais um enlatado para fazer você deixar de pensar e revindicar,agir e legislar sobre o que a elite faz com seu dinheiro entregue em impostos. Não, não você não poderá falar ou pensar sobre isto, pois está muito ocupado olhando o UFC ou aquela imperdível partida de futebol que passará na televisão hoje, e assuntos envolvendo a sua vida e sociedade podem ficar para depois. E como nos primórdios, a politica do ''Pão e Circo'' vai se imortalizando sobre os séculos vindouros, dando alegria aos Imperialista nos seus polpudos tronos.




Fonte:
Blog Ronaldo Sarmento
http://forum.antinovaordemmundial.com/Topico-ufc-explora%C3%A7%C3%A3o-exacerbada-da-viol%C3%AAncia-como-nos-tempos-medievais


RE: UFC: Exploração exacerbada da violência como nos tempos medievais

Os modos mudam de acordo com o tempo, mas a idéia continua a mesma: distrair os incautos para que eles dêem continuidade aos seus planos de controle.

Fui durante muito tempo um fã assíduo dos esportes, mas hoje não os vejo com muita simpatia, dado o objetivo pouco nobre.

Os esportes por si só são benéficos ao corpo e a mente, pois fazendo com que nosso corpo se torne saudável, a mente irá pelo mesmo caminho, mas como tudo em nossa vida, tem que ser usado com moderação. A partir do momento que qualquer coisa passatempo se torna o motivo de viver da pessoa, se torna algo ruim que refletirá substancialmente no presente ou talvez no futuro de uma sociedade.

No nosso caso, estamos colhendo os frutos de toda uma cultura milenar, que leva a maior parte dos homens para um estado completo de idiotização, que ao serem indagados do porque vêem com tanta paixão e satisfação esportes como esse, não sabem a resposta óbvia de que aquilo foi algo embutido pelo pensamento machista de toda uma sociedade preconceituosa.

Enquanto o capitalismo selvagem reinar no mundo como sistema político ideal, haverá a exploração financeira desses esportes bestiais e que no momento presente sofre uma grande alta na popularidade.

quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

458 - UFC : PORQUE GOSTAMOS DE VIOLÊNCIA

Sábado, 27 de agosto de 2011Escrito por Karlos Junior

Hoje é dia de UFC!! Na noite de 27 de Agosto de 2011, o Rio volta a sediar o maior evento de artes marciais do mundo. Tá todo mundo ligado na TV!! Quem será o vencedor do combate principal, entre Anderson Silva e Yushin Okami do Japão?

O Ultimate Fighting Championship já é o assunto do momento, provando que uma boa campanha de marketing faz as coisas acontecerem, e provando também que a moda é mesmo uma merda. É isso mesmo que você leu, até pouco tempo atrás ninguém nem falava em UFC, agora todo mundo quer dar uma de sabido do assunto, com todo respeito aos amantes do esporte. Isso não é necessariamente ruim pois ajuda à vender o evento no país, tira um pouco o foco do futebol, mas bem pouco pois, a galera não deixa a camisa do time no armário, e incentiva futuros atletas a tentarem a sorte no esporte, em que podem chegar ao sucesso engordando a conta bancária, ou quebrar a cara. Bem, isso deve acontecer de um jeito ou de outro.

Até ainda há pouco, eu estava confundindo o evento com um estabelecimento de fast-food, mas depois de me informar sobre o que se tratava, eu dei de ombros. Não sou chegado a ver o esporte e antes de defender que é um absurdo, o fato das pessoas estarem interessadas em algo de extrema violência e mau gosto, é preciso entender que o ser humano gosta da coisa, mesmo que a abordagem seja saudável. Depois de séculos, enfrentando os mais inóspitos perigos do mundo, onde a luta pela sobrevivência era um desafio muito mais punk que hoje, não é de se estranhar que vibremos assistindo confrontos dessa natureza. A adrenalina sobe, o sangue ferve e a emoção toma conta, aí meu irmão, não tem santo que segure!! Somos gregários, sobretudo em tempos de guerra, e na ausência dela transformamos nossa violência em lazer, não por acaso inventamos os jogos de guerra em que temos de exemplo a luta de centuriões, o torneio de lanças entre cavaleiros, o boxe e demais torneios de artes marciais.

Acredito que entender isso é a melhor forma de optarmos pela paz. Primeiro aceitamos o que somos, depois disso escolhemos sermos pacíficos e fazer o bem ao próximo. Acho que é por esse caminho. Além disso, hoje podemos desfrutar de um bom console de vídeo-game e lutas sangrentas estão à disposição nos Mortal Kombat e Street Fights da vida. Sobre briga de galos, briga de cães, tauromaquia, rodeios e todos os tipos de maldade com animais, concordamos todos, ou deveríamos concordar, que já era mais que tempo de termos consciência e bom senso desenvolvido. Dá uma raiva de quem maltrata animal à toa e de graça. Estes sim mereciam uma surra bem dada, de tirar o sangue. Gente dessa laia deveria praticar nado livre com tubarões e livrar o mundo de sua presença nociva.

Gostaria de ver outros esportes ganharem adesão no Brasil, estamos caminhando para o apogeu dos maiores eventos do mundo, a Copa do Mundo de Futebol e as Olimpíadas, ambas na mesma década. É possível mudar a cultura do brasileiro e incentivar outras vertentes, isso desde que todos se empenhem na educação e na boa conduta da classe política brasileira. Sabemos que é um grande desafio!!


Fonte: http://www.diferente.jor.br/2011/08/ufc-porque-gostamos-de-violencia.html

457 - COMO TESTAR SUA MEMÓRIA

por Richard C. Mohs, PhD - traduzido por HowStuffWorks Brasil
http://saude.hsw.uol.com.br/como-testar-a-memoria1.htm



Neste artigo
1. Introdução a Como testar sua memória
2. Teste de memória
3. Sinais de alerta de memória
4. Veja todos os artigos sobre Cuidados com a saúde


Teste de memória

Este simples teste de memória pode ajudar você a ter uma idéia se o problema de memória é sem importância ou se é causa de preocupação. Lembre-se que este é apenas um simples teste de memória com papel e lápis. Para um teste de memória mais específico, contate seu médico ou psicólogo, que pode receitar uma bateria de exames especiais.



Teste de memória simples

1. Memorize estas palavras: maçã, televisão, carneiro

2. Memorize este nome e endereço:
João Ninguém
Av. Brasil, 1.500
Porto Seguro, BA

3. Você apresentou alguma dificuldade além da normal nas últimas semanas?

4. Lembrar de listas tem sido uma tarefa mais difícil?

5. Você notou queda na sua capacidade de calcular, de cabeça, a gorjeta do restaurante ou o troco correto?

6. Você tem esquecido de pagar suas contas?

7. Você já teve dificuldade para lembrar nomes?

8. Você tem dificuldade de reconhecer as pessoas que deveria conhecer?

9. Você teve dificuldade para encontrar a palavra que queria dizer?

10. Você já teve dificuldade em se lembra como fazer tarefas simples como usar um microondas ou um controle remoto?

11. Os lapsos de memória têm interferido em seu desempenho no trabalho?

12. Os lapsos de memória têm interferido em suas atividades em casa?

13. Os lapsos de memória têm interferido em situações sociais?

14. Diga o nome dos três últimos prefeitos de sua cidade.

15. Diga o nome dos cinco últimos presidentes do seu país.

16. O que você jantou nas últimas duas noites?

17. Quais foram os dois últimos filmes que você assistiu?

18. Escreva as três palavras que você teve que memorizar no início deste teste.

19. Escreva o nome e endereço que você teve que memorizar no início deste teste.


Pontuação
Some um ponto para cada "não" nas questões 3 a 13 (máximo 11 pontos).
Some um ponto para cada lacuna preenchida corretamente nas questões 14 a 19 (máximo 21 pontos).


Se você atingiu:
28-32 - Parabéns! Você tem uma memória acima da média.
22-27 - Bom, mas seria bom se você fizesse exercícios de memória.
15-21 - Sua memória anda meio fraca; exercícios de memória podem ajudá-lo a melhorar sua memória.
0-14 - Você deve buscar avaliação médica.

terça-feira, 13 de dezembro de 2011

456 - TESTE SUA MEMÓRIA I

Teste a sua memória. Assinale os itens que se aplicam a você. Depois, vá até o item Avaliação e descubra como anda sua memória.

Você se esquece de...
...compromissos
raramente
às vezes
com freqüência
sempre

...pagar contas
raramente
às vezes
com freqüência
sempre

...levar suas coisas com você
raramente

às vezes
com freqüência
sempre

...objetos pessoais em lugares públicos
raramente
às vezes
com freqüência
sempre

...dar recados
raramente
às vezes
com freqüência
sempre

...o caminho a ser tomado para chegar a lugares conhecidos
raramente
às vezes
com freqüência
sempre

...itens da rotina diária, como escovar os dentes ou tomar banho
raramente
às vezes
com freqüência
sempre

...atividades de manutenção da casa, como tirar o lixo, lavar louça e arrumar as camas
raramente
às vezes
com freqüência
sempre

...desligar ou ligar utensílios domésticos, como ferro elétrico e forno
raramente
às vezes
com freqüência
sempre

...comprar certas coisas no supermercado
raramente
às vezes
com freqüência
sempre

...fazer tarefas em determinado lugar
raramente
às vezes
com freqüência
sempre

...nomes de pessoas
raramente
às vezes
com freqüência
sempre

...números de telefone
raramente
às vezes
com freqüência
sempre

...endereços
raramente
às vezes
com freqüência
sempre

...nomes de lugares familiares
raramente
às vezes
com freqüência
sempre

...ocasiões especiais, como aniversários e festas
raramente
às vezes
com freqüência
sempre

...conversas
raramente
às vezes
com freqüência
sempre

...acontecimentos recentes, como onde jantou ontem e o que comeu no almoço
raramente
às vezes
com freqüência
sempre

...onde guardou seus pertences
raramente
às vezes
com freqüência
sempre

...onde as coisas são guardadas habitualmente, procurando-as em lugar errado
raramente
às vezes
com freqüência
sempre

Durante uma conversa, você...
...sabe a palavra que quer dizer, mas não é capaz de lembrar-se dela
raramente
às vezes
com freqüência
sempre

...conta uma história ou piada que já contou antes
raramente
às vezes
com freqüência
sempre

...esquece o que acabou de dizer, perguntando: "0 que eu estava falando, mesmo?"
raramente
às vezes
com freqüência
sempre

...esquece detalhes importantes, tornando confusas suas narrativas
raramente
às vezes
com freqüência
sempre

Você tem dificuldade de...
...aprender coisas novas, como regras de um jogo ou as instruções de uso de novos aparelhos eletrônicos
raramente
às vezes
com freqüência
sempre

...localizar-se em lugares conhecidos
raramente
às vezes
com freqüência
sempre

...retomar o que estava fazendo antes de ser interrompido
raramente
às vezes
com freqüência
sempre


Contagem
RARAMENTE  (   )
ÀS VEZES (   )
COM FREQÜÊNCIA (   )
SEMPRE (   )


Avaliação
Se RARAMENTE foi o que mais apareceu nas suas respostas, fique descansado. Sua memória trabalha bem.
Se você respondeu ÀS VEZES para metade das perguntas, suas falhas de memória são circunstanciais e não crônicas. Ainda não há motivo de preocupações.
Se COM FREQÜÊNCIA foi o que você mais respondeu, é hora de pensar numa ajuda especializada.
Se você assinalou SEMPRE em 70% das respostas converse com seu médico e procure tratamento.

Fonte: http://www.unimeds.com.br/testes/novo/testememoria.htm 

455 - INTRODUÇÃO A COMO TESTAR SUA MEMÓRIA

Por Richard C. Mohs, Ph.D. - traduzido por HowStuffWorks Brasil http://saude.hsw.uol.com.br/memoria-humana.htm


Descobrir o estado de sua memória é o primeiro passo para tentar melhorá-la. Teste sua memória para descobrir se aquelas falhas que ela tem de vez em quando são normais.

Você já foi passear em um shopping e se esqueceu completamente onde estacionou o carro? Você já foi a uma loja e não conseguiu lembrar o que foi comprar lá? Você já entrou em uma sala e esqueceu por que estava lá? Já esqueceu o que ia dizer bem no meio de uma conversa?
Se estas coisas acontecem quando você tem 20 anos, você provavelmente nem pensa sobre elas. Aos 40, você pode começar a ficar preocupado com o "envelhecimento" ou com a proximidade da menopausa. Talvez você pense em usar suplementos para melhorar sua memória. Aos 60, muitas pessoas podem entrar em pânico e ficar preocupadas com tais falhas: "isso poderia ser o primeiro sinal do mal de Alzheimer?"

À medida que você envelhece, mais tende a se preocupar com problemas de memória e e quanto mais você se preocupa com eles, mais irá perceber cada um deles. O interessante é que você esquece uma série de coisas da sua adolescência ou de quando tinha 20 anos, mas nunca havia prestado atenção nesses lapsos. Quanto mais você esperar ter problemas de memória, mais irá notá-los.

Mas esquecer onde o carro está estacionado ou onde você deixou seus itens pessoais é, normalmente, muito comum. É conhecido como o "esquecimento diário" normal que envolve tarefas que fazemos todos os dias, às quais não prestamos atenção.

É evidente que, enquanto a maioria de nós passa por diversas situações de esquecimento no dia a dia, algumas pessoas possuem verdadeiros problemas orgânicos com a memória que não são normais. Como você sabe a diferença entre esquecimento "normal" e um problema mais grave de memória?

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

454 - EFEITOS DO ENVELHECIMENTO DA MEMÓRIA

por Richard C. Mohs, Ph.D. - traduzido por HowStuffWorks Brasil
http://saude.hsw.uol.com.br/memoria-humana4.htm


Você está em um evento comercial e vê um colega do outro lado da sala. Conforme ele anda em sua direção, você de repente percebe que não consegue se lembrar do nome dele. Você está simplesmente experimentando uma interrupção do processo de montagem da memória - uma interrupção que muitos de nós começamos a experimentar por volta dos 20 anos e que tende a piorar conforme nos aproximamos dos 50. Essa perda de função dependente da idade aparece em muitos animais no começo da maturidade sexual.

Suas sinapses são reforçadas e as células fazem mais conexões, que são mais fortes entre si. Mas, conforme você envelhece, essas sinapses começam a falhar, o que irá afetar a facilidade com a qual você pode recuperar memórias.

Os pesquisadores têm diversas teorias sobre o que está por trás dessa deterioração, mas a maioria suspeita que o envelhecimento causa uma perda de células enorme em uma pequena região na parte frontal do cérebro que leva a uma queda na produção de um neurotransmissor chamado acetilcolina. A acetilcolina é vital para o aprendizado e para a memória.

Além disso, algumas partes do cérebro, essenciais para a memória, são altamente vulneráveis ao envelhecimento. Uma delas, chamada de hipocampo, perde 5% de seus neurônios a cada década que passa - com uma perda total de 20% na época em que uma pessoa estiver com 80 anos. Além disso, o próprio cérebro encolhe e se torna menos eficiente conforme você vai envelhecendo.

É claro que outras coisas podem ocorrer com o cérebro que podem acelerar esse declínio. Você pode ter herdado alguns genes problemáticos, pode ter sido exposto a venenos ou ter bebido e fumado demais. Tudo isso acelera o declínio da memória.

Assim, você pode ver que, conforme envelhece, algumas alterações físicas no cérebro podem dificultar você de lembrar uma coisa de forma eficiente. A boa notícia é que isso não significa que a perda de memória seja inevitável. Ao mesmo tempo em que algumas capacidades diminuem com o envelhecimento, a memória geral permanece forte para a maioria das pessoas com cerca de 70 anos. Na verdade, uma pesquisa mostra que o idoso de 70 anos realiza determinados testes cognitivos tão bem quanto muitos jovens de 20 anos, e muitas pessoas com 60 e 70 anos têm uma pontuação significativamente melhor na inteligência verbal que as pessoas mais jovens.

Os estudos também mostraram que muitos dos problemas de memória experimentados por pessoas mais velhas podem ser diminuídos - ou até revertidos. Estudos com populações de asilos mostraram que os pacientes podiam ter significativas melhorias na memória quando recebiam prêmios e desafios. Os exercícios físicos e a estimulação mental também podem melhorar a função mental.

Estudos com animais sugerem que estimular o cérebro pode impedir que as células encolham e até aumentar o tamanho do cérebro em alguns casos. Estudos mostram que ratos que vivem em ambientes com diversos brinquedos e desafios têm camadas cerebrais externas com neurônios maiores e mais saudáveis. Animais submetidos a muitos exercícios mentais têm mais dendritos, o que permite que suas células se comuniquem entre si. A pesquisa mostrou que, conforme ficamos idosos, um ambiente estimulante encoraja o crescimento desses dendritos, ao passo que um ambiente maçante impede esse crescimento.

O ponto importante a ser lembrado é que, conforme envelhece, você pode não aprender nem lembrar tão rapidamente quanto quando estava na escola, mas provavelmente aprenderá e lembrará quase tão bem. Em muitos casos, o cérebro de uma pessoa mais velha pode ser menos eficiente, não devido a algum problema estrutural ou orgânico, mas simplesmente como resultado da falta de uso.