quinta-feira, 5 de dezembro de 2013

NOITE DE GALA AOS CAMPEÕES DE 2013

CAMPEÕES MARABAENSES DO SUB10 ANOS RECEBEM O APOIO DOS EDUCADORES

CERIMÔNIA DE PREMIAÇÃO DOS CAMPEÕES MARABAENSES - SEGUNDA PARTE

O evento desta noite presta reverência e premia os Melhores Enxadristas do Ano. Agora faremos a entrega das premiações dos Campeões do ano de 2013.

O CAMPEÃO YTALON (CENTRO) RECEBE O MERECIDO TROFÉU

CAMPEÕES MARABAENSE 2013 DA CATEGORIA SUB10 ANOS
ENXADRISTA
ESCOLA
CLASSIFICAÇÃO
PREMIAÇÃO
COMPARECIMENTO
Ytalon   Thiago F.Sil
Thiago Costa Lopes
Jozian Souza Carvalh
São Francisco
São Francisco
São Francisco
CAMPEÃO
VICE CAMPEÃO
3º LUGAR
TROFÉU
MEDALHA
MEDALHA
SIM
NÃO
SIM
  


OS TALENTOSOS KAYLANE LIMA A CAMPEÃ DO SUB12 ANOS E JEFFERSON RIBEIRO (VICE)

CAMPEÕES MARABAENSE 2013 DA CATEGORIA SUB12 ANOS
ENXADRISTA
ESCOLA
CLASSIFICAÇÃO
PREMIAÇÃO
COMPARECIMENTO
Kaylane Vitoria N. Li
Jefferson Ribeiro So
Raimundo M.T. Neto
Irmã Theodora
São Francisco
São Francisco
CAMPEÃO
VICE CAMPEÃ
3º LUGAR
TROFÉU
MEDALHA
MEDALHA
SIM
SIM
NÃO
  


JOSÉ THIAGO RECEBE A MEDALHA DE VICE CAMPEÃO

CAMPEÕES MARABAENSE 2013 DA CATEGORIA SUB14 ANOS
ENXADRISTA
ESCOLA
CLASSIFICAÇÃO
PREMIAÇÃO
COMPARECIMENTO
Marcus Vinicius Lab
José Thiago V. Gom
Jackeline Iasmim Ag
Chico Mendes
Anastácio Quei
Anísio Teixeira
CAMPEÃO
VICE CAMPEÃO
3º LUGAR
TROFÉU
MEDALHA
MEDALHA
NÃO
SIM
NÃO
  

RICARDO VINÍCIUS UM GRANDE COLECIONADOR DE TROFÉUS E MEDALHAS

CAMPEÕES MARABAENSE 2013 DA CATEGORIA SUB16 ANOS
ENXADRISTA
ESCOLA
CLASSIFICAÇÃO
PREMIAÇÃO
COMPARECIMENTO
Ricardo Vinicius So
Liliane Guimaraes E
Gabriel Souza Ram
A Fazendinha
O Peq Príncipe
O Peq Príncipe
CAMPEÃO
VICE CAMPEÃO
3º LUGAR
TROFÉU
MEDALHA
MEDALHA
SIM
SIM
SIM
  



OS TALENTOSOS RODRIGO SANTOS O CAMPEÃO DO ANO E FLÁVIO LUIZ FREITAS

CAMPEÕES MARABAENSE 2013 DA CATEGORIA ABSOLUTO
ENXADRISTA
ESCOLA
CLASSIFICAÇÃO
PREMIAÇÃO
COMPARECIMENTO
Rodrigo Faria Santos
Talita Medrado Alm
Flávio Luiz Freitas
Exército
C.X. Marabá
C.X. Marabá
CAMPEÃO
VICE CAMPEÃ
3º LUGAR
TROFÉU
MEDALHA
MEDALHA
SIM
NÃO
SIM




 PRONUNCIAMENTOS:

Franqueamos a palavra a todos os presentes. Pudemos ouvir palavras de incentivo, votos de continuidade de muitos.
Aconteceu um agradecimento muito bonito realizado pelo Prof. Antônio Jorge que oportunamente destacou a importância do xadrez aos estudantes e agradeceu aos presentes e em especial à: Kaylane Lima (Escola Irmã Theodora), José Thiago e Matheus Moreira (Escola Anastácio de Queiroz), Alanis Patrick (Escola Disneylândia) e o DJ que animou com lindas músicas à nossa Cerimônia.
Ouvimos também, as lindas palavras da Sra. Neila Ribeiro - Gerente do SESC Marabá para que este trabalho prossiga com toda a dificuldade que houver, pois, um dia esta realidade vai mudar para melhor.
O Sr. Francisco Arnilson de Assis atual Presidente do CX Marabá parabenizou o Sr. Benjamin Tasca, Paulo Ricarto, Nandiel Silva, Andressa Veras, Professor Edson e todos que contribuem para o sucesso do Projeto Xadrez nas Escolas de Itupiranga. Trabalho digno de reconhecimento Estadual e Nacional, uma grande ação de inclusão social. Ficou bastante claro o carinho dedicado, o compromisso de se fazer presente em eventos que promova o projeto local que atende 800 crianças. Nesta conjuntura um grande Maestro e Articulador desta conquista do povo de Itupiranga.
O Professor Mauro Nunes, presente na Cerimônia de Premiação ressaltou os passos iniciais desta caminhada, sendo o Clube de Xadrez Marabá a entidade incentivadora e, na sua pessoa, conseguiu formar a primeira turma de alunos, dentre eles o atual Coordenador Nandiel Nascimento. Outra informação importante, o município de Itupiranga foi o primeiro do Estado do Pará a aprovar Lei Municipal de Implantação do Xadrez na Escola em 2001, ano de Fundação do Clube de Xadrez de Itupiranga.
Novamente usando a palavra o Presidente do CX Marabá aproveitou para agradecer ao apoio recebido das empresas Requinte Store, Corpo & Seda, Sindicom, SESC e a Senhora Júlia Rosa.



MENSAGEM FINAL E ENCERRAMENTO

Só nos resta agradecer a companhia em um caminho trilhado com ética, amor, carinho e idealismo. Sempre buscamos apoio e parcerias para nossas realizações e objetivamos, sempre, realizar o melhor Torneio, o melhor Campeonato e a melhor Cerimônia de Premiação. Não adianta querer mascarar a verdade e esconder as falhas e deficiências, nem sempre conseguimos a perfeição. E estamos abertos para receber as contribuições que visem o crescimento do Xadrez, afinal, maior do eu é o Xadrez. Eu passarei e serei esquecido, certamente. No entanto, desejamos que o trabalho tenha prosseguimento e certamente pelo prestígio que este esporte apaixonante detém, sobretudo em nossos estudantes, será perpetuado para sempre. Eu vou seguir, eu sei que os Sonhos são pra sempre, aqui no coração.

Esta Cerimônia é dedicada aos corações bons de todos, especialmente o Irmão Carlos Alessander.


Eu Vou Seguir (Reach)

Marina Elali


Eu sei!
Que os sonhos são pra sempre
Eu sei!
Aqui no coração
Eu vou!
Ser mais do que eu sou
Pra cumprir
As promessas que eu fiz
Porque eu sei que é assim
Que os meus sonhos
Dependem de mim...
Eu vou tentar
Sempre!
E acreditar que sou capaz
De levantar uma vez mais
Eu vou seguir
Sempre!
Saber que ao menos eu tentei
E vou tentar mais uma vez
Eu vou seguir...
Não sei!
Se os dias são pra sempre
Guardei!
Você no coração
Eu vou!
Correndo atrás
Aprendi!
Que nunca é demais
Vale a pena insistir
Minha guerra
É encontrar minha paz...
Eu vou tentar
Sempre!
E acreditar que sou capaz
De levantar uma vez mais
Eu vou seguir
Sempre!
Saber que ao menos eu tentei
E vou tentar mais uma vez
Eu vou seguir...oh, oh, oh!

Eu vou tentar
Sempre!
E acreditar que sou capaz
De levantar uma vez mais
Eu vou seguir
Sempre!
Acreditar que sou capaz
De levantar uma vez mais
Eu vou seguir
Eu vou, eu vou, eu vou
Sempre!...

quarta-feira, 4 de dezembro de 2013

CERIMÔNIA CELEBROU "OS CAMPEÕES DE 2013"

O GRANDE CAMPEÃO DE 2013 RODRIGO FARIA DOS SANTOS ENTREGA TROFÉU AO CAMPEÃO MARABAENSE SUB10 ANOS YTALON THIAGO FREIRE DA SILVA

Pelo terceiro ano seguido o Clube de Xadrez Marabá realizou no dia 29 de novembro a Cerimônia de Premiação dos Campeões de 2013, no Auditório da Escola Municipal José Mendonça Virgolino com a participação de convidados especiais, de enxadristas e familiares e representantes do setor estudantil.
De modo mais informal a Cerimônia teve início com a saudação aos que compareceram e prestigiaram. Nas palavras iniciais do Presidente do Clube de Xadrez Marabá que conduziu todos os trabalhos uma reflexão importante: para quem servimos? E, quem nos apoiam? Oportunidade em que destacou a presença do Xadrez em aproximadamente 60 escolas, tornando cada vez mais fundamental a existência do Clube de Xadrez, refletindo também, o prestígio e a boa acolhida que o nosso esporte goza nas escolas por parte de diretores, professores e alunos.  Se este esporte promove a inclusão social e desenvolve capacidades cerebrais para a formação do de nossos jovens como fica a consciência daqueles que nos viram às costas?


PRIMEIRA PARTE

PRESTAÇÃO DE CONTAS DO TRABALHO REALIZADO NO ANO DE 2013

Foi apresentada a prestação de contas do realizado no ano em curso, os números chamam a atenção, foram realizadas 38 competições, sendo 08 torneios estudantis e 30 competições foram realizadas ou apoiadas pelo Clube de Xadrez:


COMPETIÇÕES ESTUDANTINS
COMPETIÇÕES DO ABSOLUTO
Eventos
Jogos Estudantis
Marabaense
P/Categoria
Escolares
Outros
Marabaense
Sub-totais
08
11
10
08
01
Totais
29
09


Nas competições para o público estudantil tivemos 29 competições e podemos apresentar o significativo número de atletas participantes, considerando que não há uma divulgação digna, são expressivos:

GÊNEROS / ESTUDANTIL
Masculino
Feminino
Totais
246
101


Nas competições voltadas ao público mais adulto foram realizadas apenas 09 competições com o seguinte número de participantes:

GÊNEROS / ABSOLUTO
Masculino
Feminino
Totais
46
04






POR QUE XADREZ NAS ESCOLAS?

Muito se fala sobre o jogo de xadrez e seus usos na educação, mas sua introdução no âmbito escolar exige a criação de algumas condições ainda não existentes em boa parte das escolas. Isso porque, muitas o têm utilizado como aparato extracurricular ou atividades ludoterápicas nas aulas de Educação Física. Sem desconsiderar tais práticas, pretendemos aqui apresentar a sua utilização sob um outro prisma.
O jogo de xadrez tem múltiplos usos na educação escolar, entre as suas possibilidades, pode-se acrescentar a sua apresentação aos alunos como tema transversal, enriquecendo suas aprendizagens e permeando a prática educativa em diversas áreas ou mesmo inserindo-o como disciplina desde as séries iniciais. Em 20 de dezembro de 1996, a Lei n. 9.394, conhecida estabeleceu as diretrizes e bases da educação nacional, cujos artigos 26 e 27, incluem o xadrez nas escolas, na parte diversificada dos currículos e também na parte consagrada à promoção do desporto.
O artigo 32 dispõe que o ensino fundamental terá por objetivo a formação básica do cidadão a partir do desenvolvimento de sua capacidade de aprender, tendo como meios básicos o pleno domínio da leitura, escrita e do cálculo, com vistas a:
II - a compreensão do ambiente natural e social, do sistema político, da tecnologia, das artes e dos valores em que se fundamenta a sociedade;
III - o desenvolvimento da capacidade de aprendizagem, tendo em vista a aquisição de conhecimentos e habilidades e a formação de atitudes e valores;
IV - o fortalecimento de vínculos de família, dos laços de solidariedade humana e de tolerância recíproca em que se assenta a vida social.
Acreditamos que estes objetivos podem ser plenamente alcançados por meio da inserção do jogo de xadrez como disciplina escolar, desde que implantada no currículo desde as séries iniciais, começando ainda na Educação Infantil. Essa eficácia do jogo de xadrez e a influência que tem sobre o desenvolvimento e comportamento estudantil é algo que pode ser mensurado por pesquisas utilizadas
no campo das ciências cognitivas.
Há estudos que mostraram as etapas da formação da inteligência, a partir da observação de grupos de crianças jogando xadrez e constatou-se que os avanços obtidos nas diversas etapas seguiam ritmos diferentes. O xadrez, ao ser introduzido na sala de aula, auxilia no desenvolvimento de autoconfiança, porque os alunos têm a oportunidade de aprenderem o jogo, avançando gradativamente em suas habilidades e melhorando suas estratégias e raciocínios. Ao se destacarem ou perceberem que são capazes de exercer uma atividade dessa natureza, podem, de modo paralelo, progredir em outras disciplinas escolares. (Diálogos Acadêmicos - Revista Eletrônica da faculdade Semar/Unicastelo. Publicação Quadrimestral - Volume 1 – Numero 1. Edição Outubro/Janeiro de 2010 revista@semar.edu.br. O JOGO DE XADREZ MODIFICA A ESCOLA: Por que se deve aprender xadrez e tê-lo como eixo integrador no currículo escolar? Lays Pedro Angélico e Luciana Cristina Porfírio. http://www.semar.edu.br/revista/downloads/edicao1/artigo-lays-angelica-luciana-porfirio.pdf).

 
ANDRESSA VERAS FEZ A APRESENTAÇÃO DO PROJETO XADREZ NAS ESCOLAS DE ITUPIRANGA

APRESENTAÇÃO DO PROJETO XADREZ NAS ESCOLAS NO MUNICÍPIO DE ITUPIRANGA

Em seguida a convidada especial Andressa Veras neste ato representando o Presidente do Clube de Xadrez de Itupiranga fez a apresentação do Projeto de Xadrez nas Escolas destacando o crescimento do número de participantes e do interesse dos alunos já inclusos. O projeto contempla aulas para cerca de 800 alunos da rede municipal de ensino e já se vê a necessidade de ampliação, por conta do interesse de outros alunos.
O Projeto de Itupiranga conta com o apoio do Prefeito Benjamin Tasca, do Secretário de Educação Paulo Ricarto, sob a Coordenação do Professor Nandiel e da Secretária Andressa Veras e demais monitores.
O Projeto impacta numa demanda financeira, conforme demonstrado, que se torna irrelevante diante dos 800 estudantes beneficiados e por isso, recebe total apoio para sua continuidade.
O Clube de Xadrez de Itupiranga vem buscando aprimorar pedagogicamente o projeto. Neste sentido vem realizando anualmente o Encontro de Xadrez Pedagógico que neste ano contou com a participação dos Educadores Prof. Mário Cardoso (Seduc/Belém), do Árbitro Regional Carlos Alessander (Parauapebas) e do Prof. Francisco Arnilson do Clube de Xadrez Marabá.


COMPOSIÇÃO DA MESA

Na conduz dos trabalhos o Sr. Francisco Arnilson considerando a praticidade e objetividade da Cerimônia, declinou da composição da Mesa de Honra e prosseguiu com o Cerimonial de modo mais amistoso.


HOMENAGENS ESPECIAIS:

Foram homenageados com Medalha de Reconhecimento e agradecimento por parte do Clube de Xadrez, levando em consideração aos excelentes trabalhos promovidos nas Escolas na promoção e disseminação deste importante prática pedagógica os Professores:

OS HOMENAGEADOS: O PROFESSOR GILENNO ROCHA E PATRÍCIA CORREA

GILENNO ROCHA DOS SANTOS
Professor de Xadrez nas Escolas São Francisco,
Disneylândia e Futuro Educacional

PATRÍCIA SILVA CORREA
Professora de Educação Física e Xadrez
Escola Municipal João Anastácio de Queiróz

RICARDO VINÍCIUS CASTRO E SOUSA
Enxadrista Destaque Especial

JACKELINE IASHMIM AGUIRRA LABRES
Enxadrista Destaque Especial

LILIANE EVANGELISTA GUIMARÃES
Enxadrista Destaque Especial

NANDIEL NASCIMENTO SILVA
Presidente do Clube de Xadrez de Itupiranga
Coordenador do Projeto Xadrez na Escola de Itupiranga

NEILA RIBEIRO
Gerente do Serviço Social do Comércio (SESC – Marabá)

PAULO CÉSAR DE CARVALHO LOPES
Presidente do Sindicato do Comércio de Marabá

RAIMUNDO NONATO ARAÚJO JÚNIORr
Diretor do Grupo Futuro Educacional



À todos o nosso Muito Obrigado.

EM BREVE POSTAREMOS A SEGUNDA PARTE DA CERIMÔNIA "OS CAMPEÕES".