sexta-feira, 30 de novembro de 2012

REGULAMENTO DA 3ª COPA SUDESTE DO PARÁ COM AJUSTES

IMAGENS DA PREMIAÇÃO. EM DESTAQUE O CAVALEIROS DA DAMA COMO UM DOS REALIZADORES
 
Em face do momento oportuno, quando estamos prestes a promover a fase final, que vai definir os Campeões da 3ª COPA SUDESTE DO PARÁ DE XADREZ, alguns ajustes precisam ser efetuados. No momento da feitura do regulamento temos uma filosofia do que devemos trilhar para alcançar nossos objetivos. No entanto, entre o projetado e o realizado alguns ajustes precisam ser feitos. Mas, todavia, serão apenas algumas pequenas mudanças. Segue abaixo o regulamento oficial, tal como publicado neste blog e, logo em seguida, os ajustes necessários.
 
Ainda em tempo, o local da competição: RUA AFRO SAMPAIO, 454 - CIDADE NOVA, (94) 3324-2129 (Vide Mapa do Google).
 
Regulamento Geral

Art. 1° : A 3ª COPA SUDESTE DO PARÁ DE XADREZ tem por objetivo estimular a prática do enxadrismo na região e apontar os melhores enxadristas e as melhores equipes municipais. Será promovida com a realização das Fase Municipais e Final.
Art. 2º : As COPAS MUNICIPAIS servirão para apontar os melhores enxadristas das cidades participantes.
Art. 3º : A 3º COPA SUDESTE apontará os melhores enxadristas individualmente e também por equipes. A competição será organizada pelo Clube de Xadrez Marabá que elaborará calendário com a participação das diversas cidades interessadas ou convidadas.
Art. 4° : Cada município realizará sua Copa Municipal, em conformidade com este regulamento geral, selecionando os 03 (três) melhores atletas para sua equipe, legítimos representantes do município na disputa da 3ª COPA SUDESTE DO PARÁ.
Art. 5° : As Copas municipais receberão o nome da Cidade. Assim, apenas para exemplificar, a Copa em Eldorado do Carajás será denominada de: COPA ELDORADO DO CARAJÁS.
Art. 6° : A participação dos municípios ocorrerá mediante convite ou solicitação de inscrição ao Clube de Xadrez.
Art. 7° : As inscrições dos participantes nas copas municipais serão de inteira responsabilidade de seus organizadores locais. Será permitida a participação de enxadristas de qualquer idade, sexo ou categoria, desde que atendam os termos deste regulamento.
Art. 8° : É permitida a participação de um mesmo atleta em mais de uma competição municipal, desde que este não esteja na condição de classificado em competição anterior. O atleta infrator será eliminado e substituído por enxadrista que o suceda na classificação, ou na impossibilidade, a equipe ficará desfalcada de um enxadrista.
Art. 9° : Serão obedecidas as regras da FIDE e da CBX em vigor e as constantes neste regulamento.
Art. 10° : As COPAS MUNICIPAIS serão disputadas adotando-se o software Swiss Perfect-98, com o tempo de reflexão de 21 minutos, promovidas conforme abaixo:
§ 1° pelo Sistema Schuring se o número de participantes for de até 07 participantes. 
§ 2° pelo Sistema Suíço em 05 rodadas, de 07 até 21 participantes.
§ 3° pelo Sistema Suíço em 07 rodadas de 08 até 21 participantes.
Art. 11° : A 3ª COPA SUDESTE DO PARÁ será realizada no município de Marabá, em um único dia, com disputas individuais, com o tempo de 30 minutos de reflexão pelo Sistema Suíço ou Schuring de emparceiramento. As disputas ocorrerão conforme a seguir:
§ 1º – os atletas jogarão no modo absoluto.
§ 2° - os atletas da mesma cidade jogarão entre si até a 3ª rodada, sendo vedada após.
Art. 12° : Computar-se-á as pontuações ordinárias para a definição dos vencedores individuais.
Art. 13º : Para definição dos vencedores por equipes serão computados os resultados dos enxadristas por equipe. Aquela que acumular a maior pontuação será declarada vencedora.
Art. 14° : Critérios de desempates, seja para as COPAS MUNICIPAIS, seja para COPA SUDESTE, competidores individuais ou por equipes, conforme abaixo: 
§ 1° - pelo Sistema Schuring
a) confronto direto; 
b) Sonneborn-Berger; 
c) Progress; 
d) maior número de vitórias com as peças negras e, 
d) sorteio.
§ 2° - pelo Sistema Suíço 
a) Buchholz; 
b) Median Buchholz; 
c) Progress; 
d) Número de vitórias com as negras e, 
e) sorteio.
Art. 15° : O Comitê de Apelação será definido no congresso técnico, momentos antes do início das disputas. Ele será composto pelo diretor da competição e mais 3 jogadores representantes dos jogadores (sendo 2 titulares e 1 reserva), que apreciarão os recursos impetrados contra a arbitragem relativos a aspectos de natureza técnica, por escrito, num prazo máximo de 5 minutos após o término da rodada com base no regulamento ou regras oficiais da FIDE. O reclamante depositará a importância de R$ 100,00 (cem reais), que lhe será devolvido caso seja o vencedor da causa.
Art. 16° : O enxadrista que deixar de comparecer a 02 (duas) rodadas, seguidas ou alternadas, sem uma boa justificativa, será automaticamente eliminado da competição;
Art. 17° : De acordo com as determinações da FIDE, será terminantemente proibido fumar no recinto de jogo, portar ou usar telefone celular, mesmo sendo no silencioso, softwares ou aparelho de comunicação.
Art. 18° : Os atletas classificados para a final deverão confirmar sua participação com o pagamento de taxa no valor de R$ 30,00 (trinta reais). 
Art. 19° : A premiação para as Copas Municipais poderão ser de troféus e medalhas, a cargo dos organizadores municipais.
Art. 20º : A premiação da 3ª COPA SUDESTE DO PARÁ será:
§ 1° - Individual: 1º lugar troféu e R$ (a definir); 2º lugar troféu e R$ (a definir); 3º lugar troféu e R$ (a definir); 4º lugar       R$ (a definir) e 5º lugar R$ (a definir).
§ 2° - Por Equipes: 1º lugar troféu; 2º lugar troféu e 3º lugar troféu.
Art. 21º : Os casos omissos serão resolvidos pela direção da competição.
Art. 22°: Os organizadores deverão, na medida do possível adotar alguma das seguintes programações nas Copas Municipais:
Art. 23º : O organizador da 3º COPA SUDESTE DO PARÁ na medida do possível, deverá adotar alguma das seguintes programações:
Art. 24° : O Enxadrista que não participar do Congresso Técnico, independentemente dos motivos, se obriga a acatar integralmente, o que nele for decidido ou informado pela Organização e Arbitragem, do que, inclusive, não será aceito APELAÇÃO.

Francisco Arnilson de Assis
CX. Marabá
NO MAPA A RUA AFRO SAMPAIO FICA ENTRE A AV. MANAUS E RUA SUDOESTE

EM AMARELO A ROTA A PARTIR DA AV. NAGIB MUTRAN
 
AJUSTES:
No Art. 4º fica acrescido:
§ Único - Em razão de motivos justificados e aceitos, serão aceitos a participação de enxadristas substitutos, desde que, sejam os próximos na classificação da Copa Municipal, assim sendo, por exemplo: com a desistência do 1º classificado o 2º passa a ocupar o posto deste, o 3º do 2º e o 4º colocado o posto do 3º colocado e assim sucessivamente.
No Art. 11º:
§ Único - A 3ª COPA SUDESTE DO PARÁ (fase final) será realizada em Marabá, na Rua Afro Sampaio, 454 - Cidade Nova com o tempo de 20 minutos de reflexão, pelo Sistema Suíço em 05 rodadas, com início a partir das 14:00 horas.
Art. 18º:
§ Único - Fica abolida a cobrança da taxa de participação na 3ª COPA SUDESTE DO PARÁ (Fase Final).


Art. 20º:
§ 1º - Fica estabelecida a seguinte premiação: 1º lugar Troféu, 2º lugar Troféu, 3º lugar Medalha, 4º lugar Medalha e 5º lugar Medalha.

§ 2º - Não haverá a premiação monetária em decorrência da falta de patrocínios e da isenção da taxa de inscrição dos jogadores nesta Fase Final.
 
 
Art. 25º:
§ Único - Passa a integrar a Organização Geral a Associação Cultural e Esportiva Cavaleiros da Dama.

terça-feira, 27 de novembro de 2012

3ª COPA SUDESTE DO PARÁ NO DIA 02 DE DEZEMBRO DE 2012

TROFÉUS E MEDALHAS DA 3ª COPA SUDESTE DO PARÁ

O ano de 2012 foi difícil para o xadrez regional. As eleições tomaram todas as atenções dos nossos jogadores regionais. Poucos foram os contatos retornando com alguma posição dos municípios da área de influência da Copa Sudeste do Pará. Finalmente esse período passou. Mesmo assim, mantendo a tradição, estaremos realizando a 3ª Copa Sudeste do Pará no próximo dia 02 de dezembro, a partir das 13:30 horas na Rua Afro Sampaio, 454 - Cidade Nova.

A 3ª COPA SUDESTE DO PARÁ é uma iniciativa do Clube de Xadrez e conta com total apoio do Clube de Xadrez Cavaleiros da Dama, de Parauapebas e do Clube de Xadrez de Itupiranga.

Neste ano estamos tentando uma novidade, que o evento será promovido valendo rating CBX de Xadrez Rápido para jogadores, inclusive, sem anuidade em dia da CBX. Assim, quem desejar ter o seu rating homolado pela entidade maxima do xadrez brasileiro, poderá fazê-lo sem nenhum custo adicional.

Estarão participando da 3ª Copa Sudeste do Pará os municípios de Itupiranga, Marabá e Parauapebas, com as equipes formadas com 03 atletas:
 
ITUPIRANGA:
Anélio Silva dos Santos
Alberício da Silva Carvalho
Edson de Souza Barbosa

MARABÁ:
Miguel Ângelo Quadros
Adenildo Lima da Silva
Gustavo Martins Quadros

PARAUAPEBAS:
Allysson Pereira Chaves
Werlles Milhomem de Souza
Rodrigo Ferreira Leal
 
A competição será promovida pelo sistema Suíço em 04 rodadas com o tempo de 20 minutos de reflexão.
 
A programação foi alterada em função do número de municípios e participantes, vejam como ficou:
 
Dia 02 de Dezembro
13h30 - Congresso Técnico;
14h00 - Primeira Rodada;
15h00 - Segunda Rodada;
16h00 - Terceira Rodada;
17h00 - Quarta Rodada.

Maiores informações: 8166-1616

segunda-feira, 26 de novembro de 2012

JERLUCE MATEUS (CE) VENCE O TORNEIO POPULAR DE MARABÁ

JERLUCE DE ALCANTARA MATEUS (CE) SURPREENDEU E FOI O CAMPEÃO
 
O campeão do Torneio Popular de Marabá de Xadrez foi o cearense de Juazeiro do Norte, Jerluce de Alcantara Mateus, evento ocorrido neste 25 de novembro na Escola Estadual Plínio Pinheiro na Velha Marabá com a participação de 20 enxadristas e com apoio total do Clube de Xadrez Cavaleiros da Dama.
 
NOS TROFÉUS E MEDALHAS UM SIMBOLO TURÍSTICO DA CIDADE UM PEIXE DA REGIÃO O "TUCUNARÉ"
 
O torneio contou com a chancela da Confederação Brasileira de Xadrez (CBX) e Fédération Internationale des Échecs (em francês), graças ao incentivo do AI Antônio Bento, foi muito aceito pela comunidade regional que compareceu com a presença de jogadores de muito prestígio e elevado conceito no cenário sul e sudeste do Pará como Márcio Muniz, Cláudio Luz, Werlles Milhomen e Rodrigo Ferreira do município de Parauapebas.
 
EM PRIMEIRO PLANO MIGUEL ÂNGELO ENFRENTA JACKELINE IASMIN

 
Marabá também apresentou uma lista considerável de bons participantes, como Pablo Salermo, Miguel Ângelo, Gustavo Quadros, Lídio Gabriel, Gilleno Rocha, Jackeline Iasmin, Kézio Paiva, Adenildo Lima, Ricardo Vinícius, Gabriel Betânio (RN), Christian Loyolla (MT), Marcus Vinícius L. Silva. Além do retorno com excelente desempenho de Denildson Barnabé Alves.
 
A BOA SURPRESA DO TORNEIO POPULAR DE MARABÁ
 
O  campeão do Torneio Popular de Marabá Jerluce de Alcantara Mateus fez bonito e obteve 05 vitórias em 05 partidas disputadas. Ele jogou e foi vitorioso ao enfrentar os seguintes enxadristas: Gilleno Rocha, Cláudio Luz, Rodrigo Ferreira, Márcio Muniz e José Carneiro. Para quem ainda não conhecia o Jerluce de Alcantara ele é um forte jogador. Jogou e empatou em uma simultânea com Darcy Lima (14/08/2008). Jerluce recebeu um lindo troféu de Campeão personalizado e os parabéns de todos os participantes.
 
O AR - CBX CARLOS ALESSANDER DO (CAVALEIROS DA DAMA) UM GRANDE PARCEIRO DO CX MARABÁ
 
O Árbitro Carlos Alessander (AR CBX) fez um excelente trabalho. Toda a competição transcorreu sem nenhum incidente, nenhuma reclamação ou crítica. Nesta ocasião, é importante destacar que todos os participantes que ainda não possuíam cadastro na CBX e na FIDE, a partir de agora, terão e poderão contar com o registro de suas participações, acompanho o seu rating. Por isso que é importante contar com o apoio do CXCD e do Carlos Alessander. Desta maneira a competição serviu para destacar a Cidade de Marabá e seus praticantes no cenário internacional.
 
MÁRCIO MUNIZ LARANJEIRAS, VOLTANDO A JOGAR E JOGANDO BEM
 
O vice-campeão Márcio Muniz Laranjeiras é da cidade de Parauapebas e sempre que joga consegue excelentes resultados. Conseguiu importantes vitórias (04 pontos): Jackeline Iasmin, Gustavo Quadros, Werlles Milhomem e Denildson Barnabé. Sua única derrota foi para o Campeão Jerluce.
 
O MESTRE PABLO SALERMO SEMPRE PRESENTE NOS PÓDIOS
 
O Mestre Pablo Salermo M. Nascimento foi o terceiro colocado da competição e fez 04 pontos ao vencer: Adenildo Lima, Denildson Barnabé, Christian Loyolla e Edimar Martins Taveira. No entanto, foi surpreendido e perdeu uma partida para o garoto Gabriel Betânio Oliveira. Nossos parabéns ao Mestre Pablo que recebeu a premiação da Medalha de 3º lugar.
 
MIGUEL ÂNGELO FOI O 4º LUGAR - NOSSOS PARABÉNS
 
O forte Miguel Ângelo de Quadros foi o ganhador da Medalha de 4º lugar ao somar 3,5 pontos, ou seja, obteve 03 vitórias e 01 empate.Venceu: Jackeline Iasmin, Gabriel Betânio e Gustavo Quadros. Em seu desempenho 01 empate para o garoto Ricardo Vinícius e 01 derrota para Werlles Milhomem.
 
O FORTE WERLLES MILHOMEM REPRESENTARÁ PARAUAPEBAS NA COPA SUDESTE DO PARÁ
 
Nossos parabéns, também, para Werlles Milhomem da cidade de Parauapebas ganhador da Medalha de 5º lugar. Ele jogou e venceu 03 partidas (Christian Loyolla, Miguel Ângelo e Gabriel Betânio) e obteve 02 derrotas (Márcio Muniz e Denildson Barnabé).
 
OS VENCEDORES DO TORNEIO POPULAR DE MARABÁ: MIGUEL ÂNGELO (4º), JERLUCE DE ALCANTARA (1º), WERLLES MILHOMEM (5º), MÁRCIO MUNIZ (2º) E PABLO SALERMO (3º)
 
Sintetizando o que foi a nossa competição, ela foi excelente, coroada de êxito e de satisfação por parte dos participantes. Agradecemos aos participantes, aos Diretores do Clube de Xadrez Marabá, aos Cavaleiros da Dama, Confederação Brasileira de Xadrez e Federação Internacional de Xadrez. Agradecemos ao Professor Wanderley Diretor da Escola Estadual Plínio Pinheiro, Televisão SBT/Eldorado de Marabá e a todos que direta e indiretamente deram a sua contribuição para o sucesso do Torneio Popular de Marabá de Xadrez.
 
Vejam as tabelas do certame, também no link http://www.chess-results.com/tnr86053.aspx?art=1&rd=5&lan=10
 



 

quinta-feira, 22 de novembro de 2012

REGULAMENTO DO TORNEIO POPULAR DE MARABÁ

 

Art. 1º. O 1º TORNEIO POPULAR DE MARABÁ DE XADREZ é uma competição oficial do Clube de Xadrez Marabá em parceria com o Clube de Xadrez Cavaleiros da Dama, visando apontar os melhores enxadristas na modalidade xadrez rápido, valendo rating CBX. 
 
Art. 2º. O 1º TORNEIO POPULAR DE MARABÁ será realizado no dia 25 de novembro de 2012 na Escola Estadual Plínio Pinheiro, situada na Trav. Getúlio Vargas, 274 – Centro.
 
Art. 3º. A competição será aberta à participação a quaisquer interessados, filiados ou não, de quaisquer cidades do Brasil, desde que efetuem as suas inscrições em tempo hábil, mesmo os àqueles que não possuem anuidade CBX.
 
Art. 4º. Inscrições serão efetuadas no local dos jogos a partir das 13:00 horas, no valor de R$ 5,00 (cinco reais), que servirá para oficialização dos resultados individuais junto à Confederação Brasileira de Xadrez.
 
Art. 5º. O Torneio será promovido pelo Sistema Suíço em 05 rodadas com o tempo 20 minutos nocaute.
 
Art. 6º. Para desempatar jogadores com as mesmas pontuações serão adotados os seguintes critérios:
1) Buchholz Medianos (Milésimos Medianos);
2) Buchholz Total (Milésimos Totais);
3) Sonneborn-Berger;
4) Maioria Negras;
5) Playoff.
 
Art. 7º. Rating: o torneio é válido para cálculo de rating rápido da CBX.
 
Art. 8º. Todos os participantes deverão ter disponíveis durante as rodadas, jogos de peças e relógio (em perfeito estado de funcionamento), ambos em padrão oficial. Se uma partida não puder ser realizada por falta de material, o resultado será de (- x - ) ou seja, WO para ambos os jogadores.
 
Art. 9º. O Comitê de Apelação e Disciplinar será constituído durante o Congresso Técnico, composto pelo Diretor do Torneio e mais 2 membros efetivos enxadristas participantes e 2 membros suplentes. Quem desejar recorrer de uma decisão de arbitragem deve apelar a este Comitê, por escrito, em um prazo máximo de 5 minutos após o término da rodada em que se verificou o fato, entregando o recurso ao Diretor do Torneio (ou a um integrante do comitê na ausência do Diretor), juntando a importância de R$ 100,00 (cem reais), que será devolvida caso o recurso seja deferido. A decisão do Comitê de Apelação e Disciplinar será final e a ela não cabe mais qualquer recurso.
 
Art. 10º. A competição seguirá a seguinte programação:
Dia 25/11/2012 – Domingo   
13:00 – Abertura e Congresso técnico
14:00 – 1ª rodada
15:00 – 2ª rodada
16:00 – 3ª rodada
17:00 – 4ª rodada
18:00 – 5ª rodada
18:45 – Solenidade de Premiação
 
Art. 11º. O Clube de Xadrez Marabá premiará os jogadores da competição conforme abaixo:
1º Lugar - Troféu;
2º Lugar - Troféu;
3º Lugar – Medalha;
4º Lugar – Medalha;
5º Lugar – Medalha.
 
Art. 12º. A inscrição neste torneio implica plena aceitação deste regulamento.
 
Art. 13º. O Torneio Popular de Marabá é uma promoção da Confederação Brasileira de Xadrez (CBX), promovido pelo Clube de Xadrez Marabá e sob a organização da Associação Cultural e Esportiva Cavaleiros da Dama, sob a coordenação geral de Francisco Arnilson de Assis, com arbitragem geral de Carlos Alessander Costa Alves – CBX ID 137.
 
Art. 13º. Os casos omissos, nesse regulamento, serão resolvidos pela comissão de árbitros, que será suprema em suas decisões.
 
Marabá, PA, 25 de novembro de 2012.