sábado, 2 de junho de 2012

PEQUENO PRÍNCIPE VENCE O JEM'S B FEMININO

O PROF. MAURÍCIO E A PROFª LAURA NA ENTREGA DO TROFÉU DE ESCOLA CAMPEÃ.
VIVA A ESCOLA O PEQUENO PRÍNCIPE

Esta é a oitava postagem sobre os 4º JOGOS ESTUDANTIS MARABAENSE. Estamos espelhando muito do que de bom aconteceu nestes dois dias de xadrez. É importante retratar, trazer estes fatos à tona, como forma de mostrar o quanto é interessante os Jogos Estudantis, premiando individualmente e por equipe. Assim, haja medalhas e troféus. Bom, não faltou nada nestes eventos.


SARA IKEDA


MIRELI LIMA PEREIRA

A Escola O Pequeno Príncipe mais uma vez demonstrou que possui bons jogadores de xadrez. Quem não se lembra da Liliane Evangelista, uma garota super simpática e que jogava muito bem? Ela fez história com o seu sempre bom humor e sempre conseguia boas participações, medalhas e troféus. Sabemos que agora ela reside no Estado do Mato Grosso e seu reinado deverá ter início por lá. Tomara que participe de campeonatos para que possamos acompanhar a nossa baixinha.

A ESCOLA ACY BARROS RECEBE O TROFÉU DE ESCOLA VICE CAMPEÃ
DOS PROFESSORES GILENO ROCHA E PAULO ALENCAR

Nas disputas da Categoria B - Feminino tivemos apenas 04 escolas e 06 alunos. Deu para gasto. Fizemos pelo Sistema Round-Robin, não houve nenhum problema. Todos ficaram satisfeitos com a forma de disputa.

A Escola O Pequeno Príncipe parece que inaugura um novo reinado, as jovens Sara Rivera Ikeda e Mireli Lima Pereira mostraram que a Escola continua forte no cenário municipal, pronta para participar do JEP's de Marabá. A dupla conseguiu 07 pontos de 09 possíveis. A Sara conseguiu belos 5,0 pontos e Mireli contribuiu com 02 pontos, considerando que ambas se enfrentaram na segunda rodada, com base no estabelecido no regulamento e com isto asseguraram a primeira colocação na classificação e o TROFÉU DE ESCOLA CAMPEÃ. Parabéns!

A Vice-Campeã foi a Escola Acy Barros. A anfitriã conseguiu fazer uma participação bem razoável, a atleta Fabiana Regina da Cruz conseguiu 3,0 pontos e Rayanne Freitas da Silva 2,5 pontos. Com esta participação conquistaram o TROFÉU DE ESCOLA VICE-CAMPEÃ. Show de bola.


Enfim, parabéns aos participantes pelo bom desempenho. Até a próxima postagem.

MONTE CASTELO VENCE O JEM'S B NO MASCULINO

ESTA GAROTADA NOS ENCHE DE ANIMAÇÃO E DE VONTADE DE IR MAIS LONGE

Os JOGOS ESTUDANTIS MARABAENSES foram realizados durante os dias 29 e 30 de maio, na Escola Acy Barros. A Escola tem um grande atrativo para as competições de xadrez e um professor muito articulador, o Paulo Alencar. Tínhamos tudo para realizar o maior Jogos Estudantis de todos os tempos. Apenas pela relação dos pré-inscritos já bateríamos o recorde. No entanto, algumas modalidades de muito apreço pelos estudantes foram promovidas em simultaneidade e aconteceu que os alunos foram jogar os seus esportes de maior predileção.

ESTE TRABALHO TEM FUTURO

Os jogos da categoria A, no masculino e no feminino foram promovidos no dia 29 e os da categoria B masculino e feminino no dia 30 de maio, no período da tarde. Aliás, foram dias muito quentes que atrapalhou um pouco a organização, elevando o consumo de água mineral. No final, não houve reclamações dos participantes.

E VAMOS EM BUSCA DE NOVOS ÊXITOS

Durante os jogos da categoria B alguns jogadores chamavam a atenção da organização, tendo em vista suas participações em competições estudantis e do Clube de Xadrez no ano de 2011. Mas, percebe-se que ainda falta o incentivo da Escola. Não dá para lembrar do xadrez ou dos alunos apenas quando vai começar as competições. A consequencia de tudo isto é o que nós vimos, enxadristas com um nível técnico baixo ou estacionado, parou no tempo. Sem nenhuma atividade escolar, apenas os Jogos Estudantis é muito pouco. Quais as opções? Encaminhar seus alunos para as competições do Clube de Xadrez Marabá.

EIS UMA PARTE DA IMPORTANTE PREMIAÇÃO

Por que que estamos comentando sobre tudo isto? Porque é muito difícil de aceitar certas ausências ou ver que nossos praticantes de xadrez não conseguiram maior desenvolvimento. Até agora me pergunto, por que o Gabriel Betânio, o Gabriel Souza Ramos e outros tantos ficaram de fora?

O GAROTO CARLOS EDUARDO GUIMARÃES ENTREGA O TROFÉU
AO ATLETA JÚLIO LOURENÇO, DA ESCOLA CAMPEÃ POR EQUIPE

Enfim, voltamos para a Categoria B por equipes. Foram inscritos alunos de apenas 08 escolas de um total de 36. As escolas são as seguintes: Monte Castelo, Irmã Theodora, Geraldo Veloso, Arte e Manhas, Êxito Ensino, Jonathas Athias, Acy Barros e Futuro Educacional. Aliás, algumas escolas, sejamos justos, possuem alunos com menos de 12 anos de idade e estes, realmente ficam proibidos de jogarem, como é o caso da aluna ALANIS PATRICK CORREA e outras.


GUSTAVO LIMA E YURE JANUÁRIO DA ESCOLA IRMÃ THEODORA
RECEBEM O TROFÉU DE ESCOLA VICE-CAMPEÃ DAS MÃOS
DO PROFESSOR GILENO ROCHA
Uma constatação dos jogos para as disputas por equipe é que, um jogador forte representa uma grande possibilidade de vitória e de troféu para a Escola. Ter esse craque significa muito. Como exemplo disto, é o caso do atleta Júlio Lourenço que saiu da Escola Acy Barros para vencer no individual e levar o TROFÉU DE CAMPEÃ POR EQUIPE para o COLÉGIO MONTE CASTELO.

PARABÉNS À ESTA MOÇADA MARAVILHOSA

Mas, tudo ocorreu do jeito que foi possível acontecer e foi tudo muito bom. Foi excelente! Ficamos muito felizes em atuar na organização do Jogos Estudantis Marabaenses. Valeu!


Eis o quadro com os resultados por equipe na Categoria B - Masculino:

ESCOLA DUQUE DE CAXIAS VENCE JEMS A NO FEMININO

A EQUIPA CAMPEÃ SILVIA E LARISSA HELENA (DUQUE DE CAXIAS),
A VICE CAMPEÃ JACKELINE IASMIN (ANÍSIO TEIXEIRA) COM OS TROFÉUS E
ELOISA MARIA 3ª COLOCADA
Se na Categoria A - masculino, por equipe, tivemos a participação de sete escolas: A Fazendinha, José Mendonça Virgolino, São Francisco, Irmã Theodora, Futuro Educacional, Acy Barros e João Anastácio de Queiroz, no feminino tivemos outras escolas.

LARISSA HELENA, JACKELINE IASMIN E ELOISA MARIA
CRAQUES NO XADREZ DO JEM'S

No feminino tivemos apenas seis escolas: Duque de Caxias, Anísio Teixeira, Acy Barros, João Anastácio de Queiroz, Irmã Theodora e Futuro Educacional. A sala estava enfeitada com muita beleza e alegria. Tudo com muito respeito.

AS MENINAS FIZERAM UM ESPETÁCULO À PARTE,
DE MUITA BELEZA E GRACIOSIDADE

Apenas duas escolas se prepararam devidamente para esta competição como a Escola campeão, a Duque de Caxias e João Anastácio de Queiroz. A campeã fez jus ao título pela forte equipe, formada pela forte Larissa Helena e Silvia Odelita. Mas, não foi muito fácil. A garota Jackeline Iasmin fez bonito e conseguiu por as mãos no troféu de vice-campeã.

E O ABRAÇO MAIS BONITO E GOSTOSO DO CAMPEONATO

Todas as competições foram realizadas dentro de um clima de respeito, cordialidade e fraternidade. É uma emoção muito forte para os organizadores. Até parecem nossos filhos, tamanha a satisfação proporcionada.

Parabéns às participantes, professores, diretores e pais. Foi muito gratificante. Também lembramos de agradecer à Deus por essa competição maravilhosa.

sexta-feira, 1 de junho de 2012

A FAZENDINHA VENCE O JEM'S DA CATEGORIA "A" MASCULINO

TROFÉUS E MEDALHAS PERSONALIZADAS PREMIARAM AS ESCOLAS E ATLETAS

Atendendo a filosofia de trabalho de propiciar a premiação por equipe, um incentivo aos inúmeros alunos e professores, o xadrez também entrou no clima e precisou se aprimorar para satisfazer plenamente a proposta da Secretaria de Educação e principalmente, do Departamento de Educação Física.

VIVA MARABÁ!

Já havia uma expectativa dos alunos e o desejo de que a sua escola fosse premiada, reconhecida pelo trabalho junto aos alunos. Havia uma reclamação não fundamentada é claro, devido ao desconhecimento dos regulamento específico.


A BANDEIRA, SIMBOLO OFICIAL DE MARABÁ
Após as explicações apresentadas no Congresso Técnico ficou evidente a seriedade dos organizadores e o pleno atendimentos do preceitos do trabalho por equipe. Cada escola pode apresentar sua equipe com dois atletas que jogaram individualmente, isto é, não houve o confronto entre escolas. Os jogadores enfrentaram-se com o devido cuidado para que não ocorresse disputas com enxadristas da mesma escola. As Escolas disputavam dois pontos por rodada e outras, infelizmente, disputaram com apenas um atleta, aumentando a preocupação e a responsabilidade dos representantes escolares.

TIVEMOS UMA PLATÉIA ATENTA AOS DETALHES
DO REGULAMENTO ESPECÍFICO

Aos participantes ficou bem claro o cômputo individual e coletivo. Mesmo assim, surgia uma novidade para o critério de desempate. Considerando que o Swiss Perfect atua muitíssimo bem, com seus critérios para as disputas individuais, o mesmo não ocorre para desempatar escolas com a mesma pontuação. O Swiss Perfect não estabelece seus critérios e não faz distinção para uma escola, simplesmente apresenta a classificação por clubes sem, no entanto, apresentar os índices.

A GAROTADA ESTAVA APREENSIVA QUANTO AO RESULTADO

Na categoria A - Masculino não tivemos nenhum problema para definir a Escola Campeã, foi aquela que somou mais pontos que às outras. Porém, tivemos quatro escolas com a mesma pontuação (3,5 pontos). Este problema já havia sido detectado na simulação do método. A solução foi apresentada no regulamento específico, conforme abaixo:

Art. 20º - Para definição da escola vencedora por categoria e naipe, serão computados os pontos obtidos por seus dois representantes.

§ Único: O critério para desempatar escolas com as mesmas pontuações será a classificação do melhor jogador de cada uma, prevalecendo o critério do jogador melhor colocado na lista de classificação final do certame.
Com este instrumento jurídico foi possível a definição da Classificação por Equipe.

A FELICIDADE ESTAVA ESTAMPADA NA PREMIAÇÃO POR EQUIPE: RICARDO VINÍCIUS (A FAZENDINHA) ESCOLA CAMPEÃ, JAIRO DE CASTRO  (JOSÉ MENDONÇA VIRGOLINO) A VICE CAMPEÃ E LEANDRO FERREIRA (SÃO FRANCISCO) 3º COLOCADA
FOI UMA GRANDE FESTA.

O garoto RICARDO VINÍCIUS CASTRO SOUSA teve que demonstrar uma força hercúlea e superar à todos os seus adversários. Ele queria, já havia falado, do seu desejo de levar o troféu para a sua escola. Quando pensava em reclamar do regulamento, havia um ponto que lhe incomodava, a sua escola só tinha um participantes. Ele mesmo. E teve que encarar o seu desafio. Foi lá venceu e levou para sua Escola o TROFÉU DE ESCOLA CAMPEÃ. No entanto, há de se pensar em incentivar o xadrez entre todos os alunos. O Vínícius fez a sua parte e espera que a sua Escola faça a dela.


quinta-feira, 31 de maio de 2012

JÚLIO LOURENÇO DO MONTE CASTELO VENCE JEM'S NO "B" MASCULINO

CARLOS EDUARDO E O CAMPEÃO JÚLIO DOS SANTOS LOURENÇO

Ao encerrar as duas competições nesta tarde, dos Jogos Estudantis Marabaenses, o Clube de Xadrez Marabá contabilizou a 15ª competição do ano. É muito trabalho em apoio ao enxadrismo e não para por aí, temos muita coisa por fazer. Vamos lá, então, relatar como aconteceu os Jogos da Categoria "B" Masculino. A competição ocorreu na Escola Acy Barros sendo realizada pelo Sistema Suíço em 05 rodadas de 21 minutos.

BOA SORTE, VAI COMEÇAR OS JOGOS MASCULINO
DA CATEGORIA B

Na categoria B masculino foram inscritos 20 atletas e apenas 11 compareceram. Este número permitiu a realização pelo Sistema Suíço em 05 rodadas. A fim de dar maior tranquilidade aos jogadores e professores presentes programamos o Swiss Perfect para barrar o enfrentamento de atletas da mesma escola (equipe) na 4ª e 5ª rodadas. E isto realmente foi evitado.

OS TROFÉUS E AS LINDAS MEDALHAS PERSONALIZADAS

As disputas começaram com algumas "zebras" como a derrota do favorito Antônio Edilson (Geraldo Veloso) para o atleta Lucas Borges. O outro favorito ao título é o garoto JÚLIO dos Santos Lourenço, ex-aluno da Escola Acy Barros e atual, do Colégio Monte Castelo, este, não perdeu tempo e saiu limpando o caminho para o título.

JULINHO VAI PARA SUA SEGUNDA PARTICIPAÇÃO NOS JEP'S
BOA SORTE GAROTO!
O Campeão JÚLIO dos Santos Lourenço conseguiu fazer uma excelente prova, venceu todos os seus adversários. Ele é figura carimbada do Clube. Uma pessoa maravilhosa, correta, inteligente e muito prestativa, sempre colaborando quando solicitado. Conseguiu mais uma Medalha de OURO e o troféu DE CAMPEÃO POR EQUIPE para a sua escola.

A ALUNA ELISA MARIA (ACY BARROS) FEZ A ENTREGA DA
MEDALHA DE PRATA PARA LUCAS BORGES

A história do Vice-Campeão da Categoria B, Lucas Borges de Freitas é muito interessante. É aluno da Escola Artes e Manhas, ou melhor, filho da proprietária da escola e, sempre observava os alunos jogarem xadrez. Ele não assistia às aulas, simplesmente acompanhava os garotos jogarem. E foi assim que ele aprendeu a se interessar e a jogar xadrez. Portanto, é um garoto muito inteligente e centrado nos seus objetvos. Vai participar do JEP's e tem para fazer uma bela campanha. Neste torneio computou 4 vitórias e apenas 1 derrota para o garoto Gustavo Lima. Lucas Borges ficou com a Medalha de PRATA. Parabéns!

PROFESSOR ALEX (IRMÃ THEODORA) FAZ A ENTREGA DA
MEDALHA  DE BRONZE PARA O GAROTO LUCAS MEDES AGUIAR

O garoto da Escola Êxito de Ensino Lucas Mendes Aguiar é uma novidade do enxadrismo marabaense. Representou a sua escola e fez bonito com a terceira colocação. Aliás, uma pequena observação: todos os três alunos representam a rede pública de ensino. A sua conquista lhe rendeu uma linda medalha estilizada de BRONZE.

Veja todos os detalhes do emparceiramento abaixo:


Ainda vamos publicar mais algumas postagens sobre os JOGOS ESTUDANTIS MARABAENSES, principalmente, sobre os resultados por equipes. Por enquanto ficamos muito agradecidos à todos que nos prestigiaram. Em tempo, acabamos por não realizar o maior JEM's da história de Marabá. O de 2011 teve 53 participantes, bem maior que o de 2012. Até lá!

quarta-feira, 30 de maio de 2012

SARA IKEDA DO PEQUENO PRINCIPE VENCE O JEM'S NO "B" FEMININO


SARA IKEDA BRILHOU NO JEM'S
VALEU JAPONEZINHA!
Segundo dia dos jogos enxadrísticos do 4º JOGOS ESTUDANTIS MARABAENSES na Escola Acy Barros, novamente temperatura elevada, muito calor e expectativa de ver os cerca de 30 inscritos. E, como sempre acontece ficava a incerteza, a dúvida. As primeiras informações oficiais davam de outras competições em paralelo aos jogos de xadrez. Uma grande pena!

O APERTO DE MÃO REPRESENTANDO A AMIZADE
O DESEJO DE UMA BOA PARTIDA, BOA SORTE

Todo o ambiente escola estava pronto, tudo muito bonito e a nossa vontade de começar. Conseguimos um bom número de participantes no feminino, longe, muito longe da quantidade de inscritos. Já dava para fazer e o tempo não espera por ninguém, então, avante vamos à luta.

LINDA BANDEIRA DE MARABÁ PRESENTE AO
SALÃO DE JOGOS DO JEM'S

A Categoria B no Feminino contou com a participação de 06 enxadristas de 04 diferentes escolas. Decidimos pelo Sistema Round-Robin atentando para o regulamento e para o tempo de 21 minutos de reflexão.
INOVAÇÃO E ARTE NOS TROFÉUS E NAS LINDÍSSIMAS
MEDALHAS PERSONALIZADAS

Rapidamente fizemos um novo Congresso Técnico para o masculino e o feminino explicando os critérios para o desempate nas disputas individuais e por equipe, todos entenderam prontamente, facilitando o trabalho da organização.


SARA RIVERA IKEDA RECEBE A MEDALHA DE OURO
A CAMPEÃ DA CAT. B - FEMININO

A representante da Escola O Pequeno Príncipe, SARA Rivera Ikeda substituiu à altura a enxadrista LILIANE Evangelista que atualmente reside no Estado do MATO GROSSO. Sara conseguiu vencer todas as adversárias, ou seja, obteve 100% dos 05 pontos disputados. Ela recebeu sua bela Medalha de OURO e o direito de representar Marabá nos JEP's Regional. Juntamente com a parceira MIRELI Lima Pereira conseguiram o troféu de CAMPEÃ por equipe. Valeu garotas!

FABIANA REGINA DEMONSTRANDO ALEGRIA E
TIMIDEZ AO RECEBER A MEDALHA DE PRATA

A estudante FABIANA Regina da Cruz da Escola Acy Barros fez bonito, aliás, a escola sempre revelou bons enxadristas, como é o caso da Elisa Maria, Juliano Castro Alves, Júlio dos Santos Lourenço entre outros. Fabiana conseguiu 03 vitórias (3 pontos) e com isso garantiu a Medalha de PRATA e o direito de participar dos JEP's. A equipe formada com a parceira RAYANNE garantiu o troféu de VICE-CAMPEÃ por equipe para a sua escola.

RAYANNE FREITAS RECEBE A MEDALHA DE BRONZE
ENTREGUE PELO PROF. PAULO ALENCAR

A garota RAYANNE Freitas da Silva, da Escola Acy Barros foi crescendo na competição devagarinho, passo-a-passo e conseguiu marcar 2,5 pontos. Ela estava com pressa e vontade de ir para o curso de inglês. Felizmente ficou e foi até o final da competição para ganhar a sua Medalha de BRONZE.

Vejam mais detalhes:




RICARDO VINÍCIUS DA FAZENDINHA VENCE O JEM'S NO "A" MASCULINO

A PROFESSORA LAURA E O CAMPEÃO RICARDO VINÍCIUS
REPRESENTANTE DE MARABÁ NO JEP'S

Na tarde quente do JEM's de Xadrez, também foi realizado os jogos da Categoria A Masculino. Os jogos contaram com a presença de 10 enxadristas e coube ao aluno Ricardo Vinícius Castro Sousa da Escola A Fazendinha o título máximo.

OS PARTICIPANTES DEMONSTRARAM EXCELENTE
COMPORTAMENTO NO JEM'S

Nesta competição contabilizamos a participação de 07 escolas. Sem querer buscar justificativas para a ausência de outras, atribuimos o fato da realização dos jogos de Futsal no mesmo horário do xadrez, ou seja, o Futsal é o esporte com o maior número de participantes, uma verdadeira febre e todos os alunos querem jogar.

RICARDO VINÍCIUS LEVA O SEU NOME E O NOME DA ESCOLA
A FAZENDINHA, MEDALHA E TROFÉU DE OURO

O garoto RICARDO Vinícius é um estudante muito aplicado e aprendeu a jogar xadrez aos 05 anos e, no entanto, ainda não é reconhecido pelo seu talento na escola aonde estuda. O Clube de Xadrez entende que a escola promova muitos outros esportes mas, lamenta o fato, pois são grandesos benefícios percebidos pelos seus praticantes.

RICARDO VINÍCIUS EM AÇÃO

Com a ausência do favorito GABRIEL Betânio que fez preparação para a competição, Ricardo Vinícius não encontrou maiores dificuldades e foi imbatível, demolidor e conquistou a Medalha de OURO dos Jogos Estudantis Marabaenses da Categoria A, tornando-se o representante marabaense no JEP's Regional.

O PROFESSOR ALEX (IRMÃ THEODORA) ENTREGA A MEDALHA
DE PRATA PARA O GAROTO JAIRO DE CASTRO ALVES

O estudante JAIRO de Castro Alves da Escola José Mendonça Virgolino vem inserindo o seu nome e o da sua escola entre os talentos dos Jogos Estudantis. No ano de 2011 ficou em terceiro lugar. Ele também, assim como Ricardo Vinicius espera pelo desenvolvimento do xadrez em sua escola e ter com quem jogar. O inteligente JAIRO ficou com a medalha de PRATA ao obter 3,5 pontos e superar outros três enxadristas pelo índice Buccholz de milésimos.

O GAROTO LEANDRO FERREIRA E A ALEGRIA DE RECEBER
DO SR. NILSON A MEDALHA DE BRONZE

A medalha de BRONZE ficou com o exemplar estudante LEANDRO Ferreira Oliveira da Escola São Francisco que também fez 3.5 pontose e 12 milésimos. A Escola São Francisco tem e mantém um Projeto de Xadrez muito bem construído e sempre consegue boas participações nos JEM's, fato sempre comentado por todos os participantes. No ano de 2011 Leandro foi o terceiro melhor colocado nos JOGOS ESTUDANTIS DA CASTANHA.

VIVA O XADREZ DE MARABÁ

Ao encerrar o primeiro dia de competições uma grande satisfação por ter conseguido realizar este grande evento, com total apoio do Secretário de Educação Antônio Disney e das Coordenadoras do Departamento de Educação Terezinha e Cinthia. Aliás, a premiação na forma de troféus e medalhas de altíssimo bom gosto, chegou quando estávamos iniciando a 2ª rodada.

Veja as tabelas da competição:








Na próxima postagem os resultados da competição por equipe. Esta idéia de premiar as Escola é maravilhosa. A emoção de um estudante ao vencer uma competição é imensurável e sendo ele o responsável do titulo para a sua escola é maior ainda. As escolas precisam, enfim, reconhecer o trabalho árduo de seus alunos. Sabemos que há muita gente estudando xadrez, com um esforço pessoal muito grande e forte apoio dos pais. A Escola precisam, também, apoiar e neste momento glorioso compartilhar desta fantástica alegria de ser a ESCOLA CAMPEÃ DOS JOGOS ESTUDANTIS.