terça-feira, 7 de junho de 2011

327 - ABERTAS INSCRIÇÕES PARA O INTERMUNICIPAL ESTUDANTIL

O Clube de Xadrez Marabá está ultimando os preparativos, junto a Secretaria Municipal de Educação / Departamento de Educação Física, visando a realização do I Torneio Intermunicipal Estudantil de Xadrez nas Categorias Sub-14 e Sub-17 anos, no masculino e feminino, como forma de aprimoramento para a participação de nossos atletas na Fase Regional dos Jogos Estudantis Paraense que acontecerá no final deste mês, na Cidade de Curionópolis.

A cidade de Marabá consegue promover mais um Torneio de importância para a região, o 1º Intermunicipal de Xadrez, na Escola Municipal Judith Gomes Leitão - Velha Marabá, no dia 11 de junho, movimentando atletas de várias cidades do Estado do Pará, um excelente intercâmbio, com foco no segmento estudantil na região Sudeste de outras cidades, além de alunos do município de Santa Luzia, no Estado do Maranhão.

O mais importante é a troca de experiência que se faz entre os diversos segmentos estudantis que estarão participando. Este Intermunicipal procura promover, também, além da integração regional, a inclusão de atletas das categorias Sub-14 e 17. No ato das INSCRIÇÕES OS ESTUDANTES DEVERÃO ENTREGAR UM ÍTEM DE MATERIAL DE LIMPEZA, podendo ser um desinfetante, detergentes, pacote de papel higiênico ou cera líquida, para serem doados a um estabelecimento de ensino local.

O regulamento já está disponível, veja abaixo:

1º TORNEIO INTERMUNICIPAL ESTUDANTIL DE MARABÁ
REGULAMENTO GERAL

Art. 1 – O 1º Torneio Intermunicipal de Marabá (TIM) tem por finalidade ampliar a participação em atividades esportivas a todos os estabelecimentos de ensino, aberta a participação de todos os municípios interessados, do Estado do Pará e demais Unidades da Federação.

Art. 2 – Este torneio justifica-se, portanto, como mais uma excelente oportunidade de inclusão social e fortalecimento de amizade entre estudantes e escolas.

Art. 3 - O 1º Torneio Intermunicipal tem como objetivos principais, desenvolver o intercâmbio social desportivo entre os estudantes; incrementar as boas relações; exaltar a prática esportiva do xadrez; contribuir para a formação da personalidade; de revelar novos valores no cenário desportivo educacional e preparação aos Jogos Estudantis Paraense

Art. 4 – O 1º Torneio Intermunicipal de Marabá será promovido pelo Clube de Xadrez Marabá em parceria com o Departamento de Educação Física da Secretaria de Educação (Semed) da Prefeitura de Marabá.

Art. 5 – Os jogos serão disputados em duas (2) Categorias “A” (12, 13 e 14 anos) e “B” (15, 16 e 17 anos), masculino e feminino.

Art. 6 – A Direção técnica do Torneio Intermunicipal de Maraba será constituída pelos árbitros de xadrez, competindo-lhes:
I - Coordenar e supervisionar as disputadas em âmbito técnico, resolver as questões relativas ao cumprimento das regras de xadrez e de competição;
II – Tomar todas as atitudes objetivando o bom andamento do Torneio.

Art. 7 – As inscrições dos atletas deverá ser individual, devendo anexar documento que possa comprovar a data de nascimento como a Carteira de Identidade e etc.

Art. 8 – As inscrições poderão ser efetuadas até às 08h15 do dia do Torneio, com a entrega de um item dos seguintes materiais de limpeza: desinfetante, detergente, papel higiênico (pacote) ou cera líquida incolor.

Art. 9 – É livre a participação dos atletas, desde que esteja em conformidade com as categorias e naipes estipulados neste regulamento.

Art. 8 – Os jogos serão realizados na Escola Judith Gomes Leitão, situada na Travessa Santa Terezinha, Velha Marabá, no dia 11 de junho de 2011 e serão disputados em duas (2) Categorias nos naipes masculino e feminino:
I – Categoria “A” (12, 13 e 14 anos) - para alunos(as), nascidos entre 1º de janeiro de 1997 e 31 de dezembro de 1999.
II – Categoria “B” (15, 16 e 17 anos) - para alunos(as), nascidos entre 1º de janeiro de 1994 e 31 de dezembro de 1996.
§ Único – A idade mínima e máxima de participação no 1º TIM é de 12 e 14 anos (Categoria “A”) e de 15 e 17 anos (Categoria “B”), respectivamente, completados no ano do Evento.

Art. 9 – Ao encerrar as disputas de cada modalidade e naipes, serão proclamadas as Cidades vencedores como seguem:
a) Cidade Campeã da Categoria A – Masculino, para a Escola cujo atleta alcançar a primeira colocação;
b) Cidade Campeã da Categoria A – Feminino, para a Escola cuja atleta alcançar a primeira colocação;
c) Cidade Campeã da Categoria B – Masculino, para a Escola cujo atleta alcançar a primeira colocação;
d) Cidade Campeã da Categoria A – Feminino, para a Escola cuja atleta alcançar a primeira colocação;

II – Da Premiação aos Atletas:
a) Serão premiados com medalhas os atletas das Categorias A e B, masculinos e femininos classificados entre os 2ºs e 5º lugares.

Art. 10 - Será obrigatória a comunicação dos enxadristas competidores aos árbitros, do resultado final de cada partida.

Art. 11 – O(a) atleta será eliminado(a) da competição quando se ausentar injustificadamente por 02 (duas) rodadas consecutivas ou alternadas, desde que as justificativas não sejam aceitas pela direção geral dos jogos.

Art. 12 - Será formado no Congresso Técnico, o Comitê de Apelação para analisar possíveis decisoes equivocadas do(s) árbitro(s), sendo composto por 02 (dois) enxadristas e a direção geral da competição.

Art. 13 – O(a) atleta faltoso em uma rodada será declarado(a) perdedor(a) por Wx0.

Art. 14 - O(s) Enxadrista(s) que não participar(em) do Congresso Técnico, independentemente dos motivos, se obriga a acatar integralmente, o que nele for decidido ou informado pela Organização e Arbitragem, do que, inclusive, não será aceito APELAÇÃO.

Art. 15 - As disputas serão organizadas pelo programa Swiss Perfect 98, com ate 07 (sete) atletas pelo Sistema Schuring e, acima de 08 (oito) pelo Sistema Suíço de Emparceiramento com o tempo de 21 (vinte e um) minutos de reflexão nocaute.

Art. 15 – As disputas serão individuais não computando-se os pontos para determinada Escola e Município.
§ 1º - Será possivel o confronto entre atletas da mesma instituição escolar e cidade.
§ 2º - A pontuação por vitória será 1 (um) ponto, 0,5 (meio) ponto por empate e 0 (zero) ponto para a derrota.

Art. 16 - Os critérios para desempatar equipes e enxadrístas com as mesmas pontuações serão:
§ 1º - Sistema Schuring: a) berger, b) progress, c) confronto direto, d) partida extra;
§ 2º - Sistema Suíço: a) buccholz; b) median buccholz; c) progress; d) confronto direto e, e) partida extra.

Art. 17 - Os relógios não poderão ser ajustados pelos jogadores após o inicio da rodada. Caso haja necessidade de ajuste, este deverá ser feito pelo arbitro.
§ 1º - A posição dos relógios será definida pela Arbitragem.

Art. 18 - É terminantemente proibido:
a. analisar as partidas terminadas, ou não, dentro da sala de jogos;
b. portar celular ou qualquer outro dispositivo eletrônico ligado dentro da sala de jogos durante a rodada. Será penalizado o atleta cujo aparelho eletronico emitir sinal sonoro. Caso seja espectador sera solicitado que desligue o aparelho ou que se ausente da sala de jogos.
c. conversar dentro da sala de jogos. Caso queira conversar, chame, por sinais, o seu interlocutor para fora da area de jogos;
d. aproximar-se demasiadamente da mesa onde há jogos em andamento, quando observador (distância mínima de 1 metro);
e. auxiliar, de qualquer maneira, jogador que ainda esta jogando;
f. quando estiver jogando, permanecer em pé;
g. manusear o relógio durante a partida. O enxadrista só pode usar o controle (botão) de acionamento do tempo do adversário ou o de parada do relógio, caso tenha que acionar a arbitragem por qualquer motivo;
h. provocar ruídos como batucar com a caneta, mão, pé e etc quando estiver jogando;
i. lanchar durante a realização da partida. Se o jogador quiser lanchar enquanto joga deverá fazê-lo em local afastado do salão de jogos;
j. fumar dentro da sala de jogos;
k. agredir verbal ou fisicamente outro enxadrista, membro da arbitragem ou direção do torneio será punido com eliminação do torneio;
l. discutir de forma acintosa com a arbitragem;
m. qualquer atitude anti-desportiva, como derrubar as peças acintosamente numa desistência;
n. descumprir qualquer determinação dos árbitros, ainda que verbais.

Art. 19 - A programação dos jogos para todas as categorias e naipes como segue abaixo:
Dia 11 de Junho de 2011 (sábado):
08h30 – Abertura e Congresso Técnico
09h00 – 1ª Rodada
09h40 – 2ª Rodada
10h20 – 3ª Rodada
11h00 – 4ª Rodada
11h40 – 5ª Rodada
12h20 – Encerramento e Premiação

Art. 20 – Serão adotadas neste Torneio as regras da FIDE da modalidade xadrez pensado.

Art. 21 - Os casos omissos serão resolvidos pela Comissão de Arbitragem.

Art. 22 - A inscrição nesta competição implica plena aceitação deste regulamento.

Art. 23 – Se por ventura tivermos número ímpar de participantes, no Schuring o(a) jogador(a) não ganhará ponto e, no Suíço ganhará ponto sem qualidade.

Art. 24 - A equipe de arbitragem está assim constituída: Árbitro Principal e árbitros auxiliares.

Francisco Arnilson de Assis
Clube de Xadrez Marabá

segunda-feira, 6 de junho de 2011

326 - FELIPE CASTRO VENCE O G3 DAS OLIMPÍADAS DA DISNEYLÂNDIA

Disputado pelo Sistema Suíço em 05 rodadas, também com o tempo nocaute de 30 minutos, o G3 contou com a participação de 08 garotos e serviu para revelar o talento do garoto Felipe Castro Carvalho, campeão invicto com 4,5 pontos em 5,0 possíveis.


Felipe Castro em ação
 O garoto Felipe Castro demonstrou segurança e fez jogadas em combinações conseguindo vitórias fantásticas, para a alegria do seu pai que o acompanhou por todo o concurso.



Felipe Castro é festejado

Paulo Vinícius o 3º colocado




325 - ALANIS CORREA VENCE G2 DAS OLIMPIADAS DA DISNEYLANDIA

O dia foi muito bom para a enxadrista Alanis Patrick Silva Correa, 9 anos, aluna da 4ª série B que fez bonito e abriu o sorriso de felicidade ao vencer o G2, grupo composto apenas por meninas. Ao todo tivemos 9 alunas de muito talento, disputando pelo Sistema Suiço em 05 rodadas de 15 minutos de reflexão.


Alanis Correa, a Campeã

É legal relembrar que no último final de semana a enxadrista Alanis Patrick em uma emocionante partida, dentro dos 3ºs Jogos Estudantis Marabaense, atraindo a atenção de todos os jogadores e assistentes, saiu do Salão de Jogos e se desmanchou em lagrimas, lamentando o fato de não conseguir vencer uma adversaria. Mas, a vitória de hoje foi muito festejada, inclusive por sua mãe Patricia Correa, professora de Educação Física. Assim, a Alanis demonstrou o seu talento, deu a volta por cima e foi a grande Campeã do G2 das 5ªs Olimpiadas da Escola Disneylândia.



Laura Sena Penalva Costa a Vice Campeã
A atleta Debora Mishar Severino deixou a competicao durante a 4ª rodada, prosseguindo o certame com 08 atletas, evitando o resultado de bye, como nas rodadas anteriores. Veja os detalhes da competição:

Tamires Teles Fontes, a 3ª melhor atleta recebe medalha
 O encontro dos enxadristas produziu belas imagens, valorizando, acima de tudo a educação e o gosto pelo esporte. Segue mais uma bela foto:

A Galeria que demonstrou muito gosto pelo Xadrez

domingo, 5 de junho de 2011

324 - RAFAEL ROCHA, VENCE G1 DAS OLIMPÍADAS DA DISNEYLÂNDIA



Rafael Rocha, o Campeão recebe premiação da carismática Diretora Eva Mourão 
  Muita gente e muita alegria entre os pais, alunos e dirigentes do Colégio Disneylandia, participantes da V Olimpíadas que, introduz o xadrez entre as práticas esportivas, neste 05 de junho. A diretora Eva Paixão prestigiou em todos os momentos o certame e abrilhantou com todo o seu carisma, providenciou lanches e água para todos, incentivou pais e alunos, enfim, fez de tudo. Os trabalhos foram coordenados pelo Professor de Xadrez Gilenno Rocha.



Vitor Lavarda, o Vice Campeão
Os Jogos de Xadrez foram divididos em 03 grupos diverentes: o G1 com meneninos; G2 com meninas e o G3 com meninos do ensino fundamental.
Gustavo Feitosa recebe a medalha do 3º lugar
Os atletas do G1 alunos iniciantes em competições de xadrez, vivenciaram sua primeira experiência e sentiram a responsabilidade de cada lance e de cada resultado diante de seus pais.

O evento, diferentemente de outros já promovidos pelo Clube de Xadrez contou com uma charme especial, a enorme quantidade de pais e o carinho especial com os alunos, cada um com sorriso de felicidade no rosto. Melhor que descrever é, mostrar as fotos:

Cumprimento abri os jogos do G1